Pular para o conteúdo principal

TREINAMENTO PARA GESTORES E EQUIPES MUNICIPAIS

Repasso, porém com uma ressalva..
Não é esse instituto que apareceu no fantástico como mutreteiro?/
Abs
 
Silas

http://www.ibage.com.br/img/logomail.gif
TREINAMENTO PARA GESTORES E EQUIPES MUNICIPAIS

O IBAGE (Instituto Brasileiro de Ação Municipal e Gestão Pública) está com inscrições abertas para cursos visando à capacitação em recursos federais a fundo perdido, operacionalização do SICONV e campanha política municipal.

Os cursos serão realizados em Brasília/DF, nas datas listadas abaixo:

1                 RECURSOS FEDERAIS A FUNDO PERDIDO PARA PREFEITURAS E ONGs
Finalidade: Apresentar os recursos de cada Ministério para apoio financeiros aos projetos de prefeituras e entidades sem fins lucrativos (ONGs) e realizar exercícios de elaboração de projetos e montagem de propostas de para acesso aos recursos federais não reembolsável (a fundo perdido).
Datas:
·         13 e 14 de maio de 2011 (Inscrições encerradas)
·         15 e 16 de julho de 2011.
Vantagens do curso: sensibilizar os prefeitos, secretários municipais e gestores sobre as possibilidades de realização de cada secretaria municipal. Realizações possíveis e que, certamente, não foram pensados no âmbito de cada secretaria porque os gestores municipais não sabem da existência de apoio financeiro para a finalidade de cada secretaria municipal.

2                 SICONV – ABORDAGEM PRÁTICA: DA PROPOSTA À PRESTAÇÃO DE CONTAS
Finalidade: Transmitir, numa visão prática atualizada, os procedimentos administrativos e operacionais para solicitar, celebrar, executar e prestar contas de convênios e repasses de recursos federais
Datas:
·         03 e 04 de junho de 2011 (temos algumas poucas vagas)
·         12 e 13 de agosto de 2011
Vantagens do curso: realizar procedimentos operacionais do SICONV diretamente no sistema, em ambiente simulado com acesso à internet.

3                 CAMPANHA POLÍTICA: PASSO A PASSO
Finalidade: Capacitar os participantes no desenvolvimento de todas as fases da campanha política, preparando-os como candidatos, coordenadores, assessores ou consultores de campanhas.
Datas:
·         19 e 20 de agosto de 2011
·         25 e 26 de novembro de 2011
Vantagens do curso: conhecer estratégias e receber dicas de como realizar uma campanha eficiente, motivadora e de baixo custo.

TURMAS EXCLUSIVAS
O IBAGE realiza treinamentos diretamente em seu município, em todas as regiões do País. CONSULTE-NOS.

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES
Rosa Martins (Tels.: 61 - 8250.1945 ou 61-3435.0415) ou www.ibage.com.br.

Senhores Prefeitos e Secretários,
Vamos levar mais recursos para seu município, realizar mais projetos, melhorar a qualidade de vida da população e garantir sua reeleição e seu futuro político.

A equipe do IBAGE está à disposição das prefeituras para acompanhar a aprovação dos processos dos municípios nos Ministérios e para defender os interesses das prefeituras em Brasília.
Fernando Fernandes
Saudações!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Se o mundo tivesse 100 pessoas LEGENDADO (premio Cannes)

Ter pinto é crime

Luciano Alvarenga
Uma coisa é o movimento feminista, outra, são as mulheres. Feministas gostam de política, ou pelo menos de terem contra o que levantar suas bandeiras de ódio; mulheres gostam de homens e de uma vida alem da política. O movimento feminista foi desde o princípio, pelo menos aquilo que se pode chamar assim, nos anos 1950, não em direção as mulheres, mas contra os homens. O homem sempre foi o alvo do movimento; não se trata de libertar a mulher seja do que for que se imagine ela precise ser liberta, mas de constranger o masculino de tal forma que o movimento feminista, não as mulheres, tenha mais e mais poder. Aliás, o movimento feminista não está nem ai com as mulheres, basta ver o absoluto silêncio desse movimento em relação à presença de um jogador de vôlei masculino (há quem acredite que lhe terem amputado o pênis e convertê-lo numa vagina, o tornou mulher, kkkkk) num time feminino, sem que isso cause o menor constrangimento político no movimento feminista (aqui é mais…

Sem chão nem utopia

Luciano Alvarenga A grande promessa da modernidade foi oferecer liberdade contra tudo e qualquer coisa que pudesse impedir os indivíduos de fruírem a vida sem amarras. Podemos dizer que, tal liberdade foi conquistada plenamente, e ainda que alguns resquícios de passado, com suas imposições e limites ainda resistam, derretem rapidamente nesse momento; não deixando atrás de si nada que possa servir como estandarte pra novas rebeliões. Não há contra o quê se rebelar. Todos os sólidos do passado, seja moral ou secular, estão liquefeitos; ao indivíduo resta apenas o destino de se guiar, tendo a si mesmo como referência. Ao mesmo tempo em que goza de todas as liberdades, vividas ou sonhadas, realizadas ou posta como possibilidade, o que se desenha nas pegadas daquele indivíduo é o medo, o receio, a insegurança, a incerteza em relação a si mesmo e aos seus destinos possíveis. A própria ideia de destino nada mais é que uma imagem, uma ilusão de quem ainda pensa que se guia de acordo com alguma r…