Pular para o conteúdo principal

Voto que ajuda a transformar

Olá...
Amigo e prof. Luciano Alvarenga,
Tomo a liberdade de enviar-lhe este email.
Conto com seu apoio para ajudar a divulgar nossa campanha.

Se puder enviar a mensagem abaixo para seus amigos e amigas pedindo o voto, agradeço.
Melhor ainda se pedir para que cada um de seus amigos que acreditarem no projeto. Divulguem a carta e ampliem nossa rede de amigos.
A ideia é formar uma corrente de amigos em prol do VOTO CONSCIENTE, do voto para o novo, do voto da mudança.
Uma corrente virtual é a única "arma" que temos para driblar a compra de votos dos "eternos" donos do poder. Vamos mudar!
Sei que posso contar contigo!
Abraços.
Alexandre Costa
Professor - Unilago




CORRENTE DO VOTO CONSCIENTE, DO VOTO DO BEM!
Envie a mensagem abaixo para seus amigos, colegas e parentes.

Vamos fazer uma corrente em prol do voto consciente, do voto para o novo, do voto da mudança e da Ficha Limpa.
Nossa atitude pode mudar a política e tirar do poder aqueles que há muitos anos "comandam" nosso país.





Não consegue visualizar essa mensagem? Veja-a no seu navegador http://www.servidor-smtp.net/mail/display.php?M=612977&C=7cda44e65688394adaf2204d61f4e075&S=6&L=3&N=1
Alexandre
Costa - 1401 - Deputado Federal - SP - PTB

Ideias, mudanças e sonhos para um Brasil melhor


Acredito que as melhores ideias e grandes mudanças começaram com um sonho e hoje, me dou o direito de sonhar.

Sonho participar da construção de um mundo melhor, pois acredito que é possível mudar.

Sei que, ainda, não somos o país “do futuro” (frase que escuto desde criança), mas tenho absoluta certeza que estamos muito próximos de ser o país “do presente”.

Creio que essas mudanças precisam acontecer e que posso colaborar em vários setores fundamentais para o crescimento de nosso estado e de nosso país.

Defendo a Educação como base fundamental para um futuro melhor. Devemos melhorar a qualidade do ensino fundamental, implantar polos de formação técnica para empregar nossos jovens e facilitar o acesso aos cursos superiores.

Incentivo a Cultura, valor maior de um povo. Criar e implantar um novo modelo de financiamento público de atividades culturais é mais do que necessário, é imprescindível, para que cada vez mais pessoas usufruam de bens culturais.

Estou atento às demandas ambientais. Várias Leis já foram criadas e, no entanto, por onde ando vejo rios poluídos, desmatamento, desertificação, esgoto sem tratamento, degradação de matas ciliares e tantas outras irregularidades. É preciso um modelo de desenvolvimento sustentável, que não agrida o meio ambiente.

Penso no progresso apoiado na política participativa. Decisões e ações políticas devem partir de discussão pública com a coletividade: cidadãos livres e iguais dividindo com o legislador o direito legítimo de participar ativamente da construção de nosso país.

A tecnologia expandiu os limites da comunicação, as redes sociais digitais devem e serão utilizadas para aproximar meu mandato daqueles que realmente tem algo a dizer.

Eu sou assim. Sou Alexandre Costa, professor universitário, jornalista, publicitário, relações públicas, brasileiro como você e candidato a Deputado Federal por São Paulo. Acredito e luto por um país melhor.

Sei que temos algo em comum, acreditamos no Brasil do futuro e do presente, e buscamos um lugar melhor para se viver. Acredite neste sonho, participe ativamente do processo eleitoral brasileiro.


Peço o seu voto, peço a sua ajuda e colaboração. Divulgue essa ideia, divulgue meu número para seus amigos, parentes e colegas de trabalho.



Vamos juntos construir um Brasil melhor.





Um forte abraço!
 Alexandre Costa

Deputado Federal 1401
Alexandre
Costa - Deputado Federal - 1401 - SP - PTB

 
Siga-me no TwitterConecte-se ao
meu FacebookVeja minhas fotos no FlickrBlog do Alexandre Participe do meu Orkut Assista-me no YouTube

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Se o mundo tivesse 100 pessoas LEGENDADO (premio Cannes)

Ter pinto é crime

Luciano Alvarenga
Uma coisa é o movimento feminista, outra, são as mulheres. Feministas gostam de política, ou pelo menos de terem contra o que levantar suas bandeiras de ódio; mulheres gostam de homens e de uma vida alem da política. O movimento feminista foi desde o princípio, pelo menos aquilo que se pode chamar assim, nos anos 1950, não em direção as mulheres, mas contra os homens. O homem sempre foi o alvo do movimento; não se trata de libertar a mulher seja do que for que se imagine ela precise ser liberta, mas de constranger o masculino de tal forma que o movimento feminista, não as mulheres, tenha mais e mais poder. Aliás, o movimento feminista não está nem ai com as mulheres, basta ver o absoluto silêncio desse movimento em relação à presença de um jogador de vôlei masculino (há quem acredite que lhe terem amputado o pênis e convertê-lo numa vagina, o tornou mulher, kkkkk) num time feminino, sem que isso cause o menor constrangimento político no movimento feminista (aqui é mais…

Sem chão nem utopia

Luciano Alvarenga A grande promessa da modernidade foi oferecer liberdade contra tudo e qualquer coisa que pudesse impedir os indivíduos de fruírem a vida sem amarras. Podemos dizer que, tal liberdade foi conquistada plenamente, e ainda que alguns resquícios de passado, com suas imposições e limites ainda resistam, derretem rapidamente nesse momento; não deixando atrás de si nada que possa servir como estandarte pra novas rebeliões. Não há contra o quê se rebelar. Todos os sólidos do passado, seja moral ou secular, estão liquefeitos; ao indivíduo resta apenas o destino de se guiar, tendo a si mesmo como referência. Ao mesmo tempo em que goza de todas as liberdades, vividas ou sonhadas, realizadas ou posta como possibilidade, o que se desenha nas pegadas daquele indivíduo é o medo, o receio, a insegurança, a incerteza em relação a si mesmo e aos seus destinos possíveis. A própria ideia de destino nada mais é que uma imagem, uma ilusão de quem ainda pensa que se guia de acordo com alguma r…