Redes Sociais conectam ideias e visões de mundo

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Quercismo, fim?

Quércia abandona candidatura ao Senado

Por Rubem
Dois senadores governistas em São Paulo: Quércia prioriza a saúde.
Quércia desiste de candidatura ao Senado para tratar câncer
RENATA LO PRETE
EDITORA DO PAINEL
Orestes Quércia (PMDB), 72, comunicará nesta segunda-feira a retirada da candidatura ao Senado por São Paulo para se tratar do retorno de um câncer na próstata do qual sofreu anos atrás. Na mesma oportunidade, o ex-governador anunciará o apoio ao companheiro de chapa Aloysio Nunes Ferreira (PSDB).
Em conversa de Quércia com a cúpula tucana neste domingo, ficou acertado que o primeiro suplente de Aloysio será Airton Sandoval (PMDB), e não mais Sidney Beraldo (PSDB). Em consequência do acordo, o ex-chefe da Casa Civil no governo de José Serra passará a ocupar, na propaganda de TV, o tempo das duas vagas ao Senado da chapa.
Com 26% no Datafolha, Quércia está tecnicamente empatado com Netinho de Paula (PC do B), que tem 28%, no segundo lugar, atrás de Marta Suplicy (PT, 33%). Aloysio aparece em quinto, com 12%.

Nenhum comentário: