Redes Sociais conectam ideias e visões de mundo

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Drop


Tenho insistido aqui com esta coisa de ser adulto e ser adulto como fundamentalmente ser responsável, não apenas consigo mesmo, mas com a cidade, com a comunidade com tudo a nossa volta.
Coloco isso por que estamos sem dúvida nenhuma entrando numa nova era, num novo tempo, um tempo cheio de encantamento e entusiasmo, mas ao mesmo tempo, cheio de desafios, de problemas graves a serem enfrentados.
Dei uma entrevista aos alunos da faculdade de jornalismo da Unilago esta semana, em que me perguntavam sobre a razão de enfrente a faculdade onde tem um bar, a rua está sempre suja com os restos daquilo que os estudantes consomem no bar.
Isso tem haver com duas coisas, uma é cultural; nós achamos que a rua é lugar de ninguém e portanto exposta ao meu vandalismo, a minha falta de higiene e educação. Sujo a rua por que não tenho nenhum respeito com as pessoas nem com a cidade onde moro. A rua é o oposto do espaço privado da casa, do lar, onde eu procuro manter limpo e organizado. A casa é o meu espaço privado, mas a rua é o nosso espaço público que deve ser mantido com o mesmo respeito e cuidado.
A outra questão é que equilíbrio ecológico, sustentabilidade é apenas discurso entre nós. Vestimos roupa com frases e slogans ecológicos, mas não temos uma prática sustentável. Ecologia é moda não é consciência. Defendemos a Amazônia, mas não mantemos a rua onde circulamos todos os dias limpa.
É claro que o futuro próximo será uma mudança profunda destes comportamentos, isso por que pessoas que não entendem os novos tempos certamente pagarão caro pela ignorância. Já tem empresa contratando profissionais a partir das idéias e comportamentos que ele tem e pratica. Por exemplo, se você disser a coisa “errada” sobre determinado assunto, seu futuro emprego não será seu.
Ser adulto é entender tais transformações. Ser adulto é fazer parte da promoção desta nova realidade. Precisamos parar de pensar em felicidade, e pensar em como transformar nossa vida para que daí sim possamos ser felizes.
Ser feliz daqui para frente meu amigo é ser equilibrado, ser equilibrado é ser adulto, e ser adulto é entendermos que a sociedade precisa de nós para sua transformação. Luciano Alvarenga

Nenhum comentário: